Em 2015, Sophie Tanner teve uma cerimônia de casamento para comemorar a união com ela mesma; dois anos depois, ela revela traição com homem

Apenas dois anos depois de se casar, a britânica Sophie Tanner se envolveu em uma traição. O problema é que ela havia se casado consigo mesma, sim, com a própria Sophie Tanner. E não, você não entendeu errado, Sophie traiu ela mesma e talvez essa seja a história de amor mais complicada que você vai ler hoje.

Leia também: Mulher descobre traição após marido enviar mensagem erótica para a própria filha

Sophie Tanner se envolveu em uma traição que durou cerca de cinco meses com o poligâmico Ruari Barratt
Reprodução/Youtube
Sophie Tanner se envolveu em uma traição que durou cerca de cinco meses com o poligâmico Ruari Barratt


A moça adepta à sologamia acabou tendo um caso amoroso com Ruari Barrett, que na época era poligâmico, ou seja, se relacionava com vários parceiros, mas decidiu ter uma relação monogâmica com Sophie. O relacionamento dos dois durou cerca de cinco meses, mas, mesmo que não tenha dado certo, parece que a traição teve um efeito na vida do homem. 

Depois do término, Ruari também decidiu se casar consigo mesmo em uma cerimônia em Las Vegas e afirmou ao programa de televisão "This Morning", do Reino Unido, que desistiu da poligâmia. Segundo Sophie, que também foi entrevistada no programa britânico, o auto-casamento não é sobre nunca estar com ninguém, no entanto trata-se de "amor próprio".

"Estou dizendo que a autocompaixão e o autocuidado são tão importantes quanto ter relacionamentos românticos", disse ela. "Isso não significa que você está rejeitando todos os outros relacionamentos significativos em sua vida e se tornando uma freira para sempre. Isso significa que você está rejeitando relacionamentos ruins."

Leia também: Mulheres se unem para desmascarar traição dos maridos; confira a história

Sophie também afirma que não pretende se divorciar. "Casar-se é um compromisso vitalício para ser responsável por sua própria felicidade, então o divórcio não é uma opção."

Relembre a história

A história do auto-casamento de Sophie Tanner foi destaque pelo mundo em maio de 2015, depois que ela tomou a decisão de fazer uma cerimônia que incluiua o pai dela, caminhando pelo corredor, madrinhas, uma primeira dança e até mesmo uma lua de mel consigo mesma.

Leia também: Colegas de trabalho descobrem traição de namorado em momento constrangedor

Sophie Tanner se casou consigo mesma em maio de 2015, mas estava planejando a cerimônia há dois anos
Reprodução/Youtube
Sophie Tanner se casou consigo mesma em maio de 2015, mas estava planejando a cerimônia há dois anos


Na época com 37 anos,  ela explicou ao jornal britânico "Daily Mail" que a ideia já estava sendo construída desde 2013. "Dois anos atrás, eu estava deitada na cama, me recuperando de um término ruim e então comecei a me redescobrir e a me sentir mais no controle." 

Sophie escreveu um romance onde sua personagem principal se casou com ela mesma e disse ter achado inspirador encontrar o amor sozinha, por isso também queria celebrar o fato de estar solteira ao invés de sentir vergonha disso. A promessa de se amar e respeitar até a morte, mesmo com uma traição no meio do caminho, ainda está sendo honrada. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.