Humor, inteligência e delicadeza diferenciam cantadas de rua agradáveis ou ofensivas

O  documentário “Femme La Rue” , dirigido por Sofie Peeters, mostrou que as cantadas de rua na Bélgica e em outros países da Europa são consideradas agressivas e invasivas. O parlamento belga até aprovou uma lei, em vigor desde setembro de 2012, para tentar coibir a prática. Quem extrapola nas gracinhas por lá acaba levando multa.

Internautas do iG Delas apontaram essa cantada como uma das piores
Arte iG
Internautas do iG Delas apontaram essa cantada como uma das piores

Aqui no Brasil, no entanto, a reação às cantadas não parece ser tão negativa. Pelo menos foi o que revelou a enquete  feita com internautas do iG.

Respondendo à pergunta “O que você acha de ser cantada na rua?”, 49,23% das mulheres que votaram escolheram a opção “Depende da Cantada” e 26,37% responderam “Faz bem para a autoestima”. A alternativa “Acho agressivo e invasivo”, teve apenas 16,41% dos votos e a opção “É galanteador, não vejo problema” foi a menos votada, com 7,99% dos votos.

Compartilhe no Facebook as melhores e piores cantadas indicadas pelos leitores do Delas

A primeira dúvida que surge é por que a cantada incomodaria menos as mulheres daqui do que as europeias? “No Brasil, existe a cultura do brincar. Acredito que as brasileiras têm condições de levar a cantada na brincadeira e por isso se incomodam menos”, opina a consultora, escritora e psicanalista Betty Milan.

Betty, aliás, avalia que se um homem aborda uma mulher de maneira agressiva, na verdade, não está ‘dando uma cantada’. “Quem canta quer aproximar o outro de si. Quem agride, afasta o outro”, distingue Betty, que é autora dos livros “E O Que É O Amor?” e “Quem Ama Escuta”, ambos lançados pela editora Record.

Leia maisA difícil definição do status amoroso no Facebook

Além da pista de que as mulheres brasileiras encaram as cantadas de forma mais brincalhona, a alternativa mais votada da enquete, ‘Depende da cantada’, nos levou a consultar especialistas em comportamento amoroso para tentar descobrir o que torna uma cantada ‘boa’ para uma mulher e, assim, ajudar os rapazes a acertarem a mão.

“Se for inteligente e leve, a mulher vai gostar. Mesmo que não fique interessada especificamente no homem que deu a cantada. Ela vai se divertir, pelo menos”, aposta a psicóloga Eliete Amélia de Medeiros, diretora da agência de encontros Eclipse Love. “Se eu fosse homem, me valeria da provocação e procuraria despertar o riso, porque ele descontrai”, acrescenta Betty, lembrando que quem se expressa de maneira incomum e graciosa tem grandes chances de ter êxito.

Eliete, porém, ressalta que uma cantada tem grandes chances de dar errado se não for precedida antes por uma aproximação visual, como uma troca preferivelmente intensa de olhares. “O homem não deveria chegar de supetão e falar uma frase do nada, sem nenhum tipo de contexto. Isso vai causar constrangimento à mulher, que pode se sentir invadida”, avalia a psicóloga.

Veja ainda: A atração não é uma escolha

Contato visual feito, aí sim, vale a cantada. Nessa hora, o grande risco que eles correm é se afobar demais e errar a mão. “Um homem seguro, que fala com firmeza, tem muito mais chances de agradar uma mulher do que um indivíduo hesitante, que se atrapalha todo ao falar”, aponta o psicólogo e professor Universidade de São Paulo, Ailton Amélio, autor do livro “Relacionamento Amoroso - Como Encontrar Sua Metade Ideal e Cuidar Dela” (Publifolha).

Internautas do iG Delas apontaram essa cantada na seleção da melhores
Arte iG
Internautas do iG Delas apontaram essa cantada na seleção da melhores

Lembrando de um período marcante da história mundial, no qual os jovens ao redor do planeta desafiavam as instituições e a caretice dos mais velhos, Betty puxa na memória um exemplo de cantada que, ao mesmo tempo, a agradou e a provocou. “Em maio de 68, fui cantada por um homem que me disse ‘proibido proibir’ e eu fui na onda dele. Era o mote da época, uma frase que liberava e eu gostei”, conta a psicanalista.

Ao contrário do que se pode imaginar, enaltecer as características físicas e a beleza da mulher nem sempre é uma boa ideia. Eliete exemplifica, contando de uma conhecida com mais de 40 anos de idade que ouviu de um homem mais jovem algo como ‘Nossa, você está inteirona ainda, hein?’. “Ele provavelmente queria agradar e elogiar a boa forma física dela, mas, sem perceber, acabou chamando a mulher de ‘velha’, e ela, obviamente, não achou graça da brincadeira.”

Confira: Como surpreender e ter o sexo dos sonhos com um parceiro novo

Da mesma forma, as cantadas maliciosas em excesso têm pouquíssimas chances de agradar. “Um cara que grita e chama a mulher de ‘gostosa’ no meio da rua não vai conseguir nada com isso, além de causar constrangimento. No fundo, esse homem está só se exibindo”, pondera Amélio, denunciando o ‘estilo pavão’ de muitos marmanjos. “Talvez, ele não esteja nem preparado para replicar se ela corresponder à abordagem”, completa.

Essa grosseria da rua muitas vezes acaba invadindo as casas noturnas e baladas. “Nesses lugares, as cantadas funcionam, na maioria das vezes, como uma senha para homens e mulheres ‘ficarem’ sem intenção de compromisso futuro. Mas algumas pessoas bebem demais, perdem a linha e acabam sendo inconvenientes nas abordagens”, aponta Amélio.

Indelicadezas são desnecessárias, anotaram aí, moços? Anotem também outra dica de Ailton: numa abordagem a forma e o conteúdo não são as questões mais importantes. “No final, são só um pretexto para puxar o assunto. O que realmente importa é se os dois estão a fim de alguma coisa. Desde que não seja grosseira, a cantada nesse contexto, em geral funciona”, sentencia.

Amélio revela que as cantadas, na rua e nas baladas, não são a maneira mais eficiente de provocar um namoro, mas também não dá para descartar esse tipo de abordagem na construção de relacionamentos duradouros. “A maioria dos envolvimentos amorosos acontece por intermédio de amigos e conhecidos que acabam apresentando os pares", avisa o psicólogo. Segundo as estatísticas, ele conclui, “apenas 20% das relações mais longas começam com uma cantada”. 

Algumas internautas do Delas apontaram as melhores e as piores cantadas que já ouviram. Veja quais são e coloque seus comentários lá no final:

As 5 melhores

Me joga no Google, me chama de pesquisa, e diz que eu sou tudo o que você procurava!

Vamos fazer um acordo. Eu te dou um beijo. Se você gostar, eu te dou outro. Se você não gostar, me devolve.

Você acredita em amor à primeira vista? Ou devo passar por aqui mais uma vez?

Não sabia que flor nascia no asfalto

Se beleza fosse um segundo, você seria 24 Horas

As 5 piores

Eu queria ser uma abelha pra beijar a sua flor!

Tá esperando o busão? Porque você tá no ponto!

Você faz aula de canto? Vamos ali no canto que eu te ensino

Você tem a barriga recheada com creme? Porque você é um sonho.

Vamos brincar de nuvem? eu fico Nu, e você VEM.

Tudo sobre  o Jogo do Conquista: 
A aparência não é tudo. Use sua personalidade na sedução
5 perguntas sobre paquera e conquista
Como conquistar um homem lindo
Como lidar com a rejeição na paquera
A importância do beijo no jogo da conquista

CADASTRE-SE PARA RECEBER A NEWSLETTER DO DELAS , CURTA A PÁGINA DO DELAS NO FACEBOOK   SIGA O @DELAS NO TWITTER e consulte o horóscopo diário do Delas, por Monica Horta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.