Tamanho do texto

Investir em uma salada de macarrão e até esquentar a refeição no micro-ondas estão entre as dicas descobertas nos estudos. Veja detalhes

Um belo prato de macarrão é uma daquelas comidas que reconfortam e combinam com os dias mais friozinhos. E segundo alguns estudos, há maneiras de comer massa sem acabar de vez com a dieta.  

Leia tudo sobre dieta

De acordo com estudo da University of Surrey, no sudeste da Inglaterra, e reportagem do jornal inglês "The Sun", a melhor maneira de comer macarrão é na versão fria. Desse jeito, a massa produziria picos menores de glicose e, com isso, deixaria a pessoa com a sensação de saciedade por mais tempo. 

Salada de macarrão é uma boa maneira de incluir a pasta na dieta, segundo estudos
shutterstock
Salada de macarrão é uma boa maneira de incluir a pasta na dieta, segundo estudos


Quando um alimento com o carboidrato refinado  é ingerido, há um pico de glicemia e a energia daquele item é absorvida de maneira rápida pelo organismo. Com isso, logo depois da ingestão, já está com fome novamente. Esse processo também favorece o acúmulo de gordura, principalmente na região abdominal. 

Ou seja, uma dica é apostar em uma salada de massa para ingerir o carboidrato sem pesar na dieta. 

Leia também: Carboidrato à noite? Sim, agora ele está liberado e até ajuda a emagrecer

Pode esquentar no micro-ondas?

Essa não é a primeira vez que a forma de consumir carboidrato é testada. Em 2014, o programa "Trust me, I'm a Doctor" (Confie em mim, sou um médico), da BBC, teve grande repercussão ao falar que uma boa ideia seria esquentar a massa no micro-ondas. 

Voluntários foram separados em três grupos. O primeiro comeu o alimento quente e fresco. O segundo, frio. E o teceiro, consumiu a massa esquentada no micro-ondas, como se fosse a sobra do dia anterior. Nas duas horas seguintes às refeições, os voluntários faziam exames de sangue a cada 15 minutos. 

Leia também: Veja como incluir o carboidrato na dieta

Os resultados mostraram picos menores de açúcar e insulina em quem comeu o prato frio em comparação ao prato recém-preparado. Quem comeu a comida requentada teve um resultado ainda mais regular, mantendo os níveis de açúcar ainda mais constantes. Se a comparação for entre a comida fresca e a esquentada, especialistas dizem que os níveis são 50% menores. 

O motivo disso seria porque, de acordo com a reportagem do "The Sun", o macarrão quando é esquentado no micro-ondas passar de um carboidrato para um amido resistente, que tem um pico glicêmico menor e também dá a sensação de saciedade por mais tempo. 

    Leia tudo sobre: dieta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.