Mulheres de 20, 30 e 40. Elas n?o s?o iguais, mas tambem n?o s?o t?o diferentes. Encaram o trabalho, o sexo, a saude e a beleza com olhares distintos, mas n?o existe regra para cada idade. Da pra fazer a primeira tatuagem aos 40 ou descobrir o homem da sua vida aos 20

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=ModeloiG%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237491674481&_c_=MiGComponente_C

A aventura dos 20

O que pensam as mulheres de 20 anos sobre dinheiro, carreira, amor e beleza?

Ter meus 20 e poucos anos tem sido facil, porem perturbador. E um transito entre a ingenuidade e a malicia. E e hora de decidir o que farei da vida, reflete a diretora de arte Fernanda Reis Machado, 23 anos. Mas so de pensar que nessa altura da vida ainda e possivel ter a quem gritar quando os credores batem na porta, ja e um alivio para qualquer uma: Gracas aos meus pais, tenho so algumas contas a pagar e muitos planos pela frente, comemora Fernanda.

Quando o assunto e beleza, as mulheres de 20 parecem n?o ter muita preocupac?o, apesar de saberem o que o futuro reserva. N?o sou muito ligada nessa coisa de cremes, produtos de beleza e malhac?o. E n?o deixo de beber uma cervejinha com meus amigos por noia, mas de vez em quando bate aquele peso na consciencia: devia estar fazendo ioga, natac?o, cuidando mais da minha saude. Com 25 a gente comeca a se preocupar com a chegada dos 30, das rugas e acaba ficando um pouco mais cuidadosa, desabafa a produtora cultural Mariana Atauri Maurer, 25 anos.

Soltas pelo mundo, o papo de n?o ter um namoro serio n?o e so por badalac?o. E dificil para as pessoas nessa faixa etaria saber construir alguma coisa, um relacionamento, justamente pela individualidade. E isso que muitos chamam de desapego e, na minha opini?o, essencial para o auto-conhecimento", comenta a estudante Mariana Xisto, 21 anos.

Mas, quanto a vida, n?o existem regras. O cupido pode, sim, bater na sua porta e o homem da sua vida chegar antes do esperado. Comecei a namorar quando tinha 17 anos e ate hoje estou com o mesmo menininho que ja n?o e t?o menininho. Ter 25 anos e namorar ha 8 assusta muita gente, mas nem penso em jogar tudo pro alto. O que eu tenho com ele provavelmente n?o terei mais, ent?o quero aproveitar muito enquanto e bom, suspira Maurer.

O que e indiscutivel nessa epoca e a ansia por fazer de tudo. E a hora de descobrir o que voce quer e o que querem de voce. A gente danca, canta, ri, desenha, pinta, bagunca, fala besteira. E quem quiser achar feio, que ache. Sou bem feliz, afirma Fernanda. E sem medo das marcas que os tombos deixam, elas enfrentam qualquer parada. Vou insistir em fazer o que quero. Se n?o der certo, pelo menos eu sei que bati bastante a cabeca na parede, endossa Mariana, que aos 22 anos ja produzia uma mostra independente de audiovisual.

A confiss?o dos 30

O humor e a serenidade que comeca a chegar para as mulheres de 30

A fase da famosa crise n?o e t?o assustadora assim. Com muito bom humor, as atrizes Juliana Araripe e Camila Rafantti, as duas com 30 anos, e Melissa Vettore, 36, falam, no palco e na vida real, sobre a idade t?o temida. Ter 30 anos e um privilegio. Nos temos passado e futuro, comenta Camila.

E o futuro n?o perdoa. E a hora da corrida maluca pelos cremes faciais, exercicios para segurar o que comeca a cair, ter sempre em m?os uma malinha de primeiros-socorros, como elas dizem na peca.

Em uma das cenas do espetaculo Confiss?es das Mulheres de 30, Juliana fala desse processo com muito humor: Aos trinta anos de idade a minha bunda caiu... caiu! De um dia pra outro, sem me avisar, a minha pele comecou a expor pro mundo todos os meus atalhos. Ai, comecou a minha peregri?nac?o pelos cremes anti-rugas. Acido retinoico, extrato de cha verde, andiroba, os das farmacias de manipulac?o, mel germen de trigo, papaia, protetor 100, sol jamais!

E se tem homem na parada, a conversa e sempre divertida. Em momento triunfal, enquanto gira a cabeca feito louca no palco, Camila arranca risadas da plateia: Ter trinta anos e uma posic?o de grande abrangencia estrategica.Voce pode namorar homens de 18, 30 e 50 anos sem que ninguem te chame de tarada. Uma mulher de 30 anos e uma metralhadora giratoria.

E o melhor dos 30? Acho que o melhor dos 30 e a maturidade que voce, de certa forma, adquire. Eu disse de certa forma porque nessa idade ainda me sinto muito imatura, mas com maior serenidade para decidir as coisas. A grande porcaria e que seu corpo muda, ele fica mais mole, mas voce fica mais inteligente. Eu acho que estou numa idade otima. N?o trocaria meus 30 pelos 20 de jeito nenhum. E nem pelos 40! desabafa Juliana.

Deixa o Balzac pra la e aproveita!

A seguranca dos 40

Elas podem tudo - e explicam o porque

Se voce acha que a mulherada dos 40 queria ser uma mocinha de 20, esta muito enganada. Trocar os meus 40 anos pelos meus 20 seria o mesmo que trocar uma bicicleta novinha por um abridor de latas enferrujado. Na area profissional, quanto mais velho o escritor, mais valorizado. Por conta disso, me sinto cada vez melhor com a passagem do tempo, admite a escritora Stella Florence, 41, autora do livro O Diabo que te Carregue (Rocco).

No quesito beleza, aos 20 eu pesava 30 quilos a mais, n?o tinha feito uma cirurgia redutora dos seios (e sem essa cirurgia eu provavelmente seria virgem ate hoje), n?o havia encontrado um corte de cabelo que fosse a minha cara, n?o sabia me maquiar direito, nem possuia uma personalidade definida ao me vestir confessa ela.

A publicitaria Caroline Fernandes, 43, diz que esta e a melhor fase para se reinventar: Quando eu era mais jovem, preocupava-me mais comigo. Eu me achava mais bonita, tinha uma carreira pela frente... Hoje sinto que estou no momento de repensar algumas coisas: sera que adoto uma crianca? Continuo na minha profiss?o ou jogo tudo pro alto e viajo pelo exterior?, reflete. Acho que depois dos 40 temos que transferir as preocupac?es para o mundo, sen?o enlouquece!, gargalha.

A sorte e jogo de cintura que a idade proporciona. O resumo da opera e uma palavra: seguranca. Aos 40, a gente danca frevo, salsa e tango sem se desequilibrar no salto agulha, brinca a escritora.

A tarologa e psicologa Esmeralda Sarraccini, 43 anos, resume: "Aos 20 a mulher  aprende seus valores e desfruta da beleza para suas conquistas; aos 30, esta muito bela, mas agora faz de seus valores uma conquista; aos 40, utiliza o auge de sua beleza junto a seus verdadeiros valores e, finalmente, aos 50, descobre que beleza e ter valores.

Leia mais sobre: mulheres


Confiss?es das Mulheres de 30 ? As atrizes Juliana Araripe, Camila Raffanti e Melissa Vettore levam ao palco as preocupac?es e temores das mulheres na faixa dos 30 anos nesta comedia dirigida por Fernanda Dumbra. Em cartaz em S?o Paulo, no Teatro Folha ( http://www.teatrofolha.com.br/ ) e em Campinas no Teatro Tim ( http://www.teatrotim.com.br/ ) (R$ 30).

Esmeralda Sarraccini , tarologa e psicologa - e-mail: esmel3@hotmail.com


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.